”C” Pillar: Estampagem de transferência de 3.300 toneladas

O DESAFIO

 

Desenvolver e otimizar os processos de estampagem já existentes na MCG tendo em vista a produção de um conjunto a integrar a plataforma de um modelo de grande volume: um Reinforcement – “C” Pillar.
Integração de processos de produção com outras tecnologias, nomeadamente células avançadas de soldadura e colagem.

 

MAIS-VALIAS DO PROJETO

 

Exigência técnica

Para a estampagem de todas as peças que compõem este componente são utilizadas 13 ferramentas diferentes, parte delas desenvolvidas e produzidas internamente pela MCG. No lote estão incluídas ferramentas transfer de 6.500 mm.

 

Prensa de 3.300 toneladas

O elevado volume de produção exigido e as características dos componentes estampados requer a utilização de uma prensa de 3.300 toneladas, um dos equipamentos mais volumosos e eficientes da empresa. A MCG detém uma das duas prensas do género existentes na Península Ibérica.

 

Otimização de processos

Os processos de estampagem de grande volume são otimizados através do FEM (Finite Element Method), um método numérico de resolução de problemas de engenharia, e integrados com os restantes processos de produção do componente conjunto.

 

Elevado volume de produção

A produção de peças envolvidas neste projeto permite a montagem de 800 carros por dia, o que equivale a 65 horas de funcionamento de prensas por parte de colaboradores técnicos especializados.

 

INFORMAÇÕES ADICIONAIS

 

  • FEM (Finite Element Method) do processo de estampagem.
  • Simulação cinemática (transfer).
  • Estampagem em prensa de 3.300 toneladas.
  • Ferramenta transfer de 6.500 mm.

 

 

MCG automotive