Notícias/Artigo

MAESTRI Project

8 Julho 2019

MCG consolida resultados do projeto MAESTRI

A MCG participou recentemente na Conferência Final do projeto MAESTRI para apresentar os resultados deste projeto de I&D que visa desenvolver um sistema de gestão flexível e escalável que promove as boas práticas de gestão industrial e indústria 4.0.

 

Enquanto um dos quatro ambientes industriais reais desta iniciativa europeia, a MCG continua a dinamizar a implementação da cultura Lean e da Total Efficiency Framework nos processos de produção das unidades de negócio MCG industry e MCG transportation.

 

Após o resumo dos avanços do projeto MAESTRI até à data, cada um dos quatro quadros de experiência-piloto em ambiente real mostrou em detalhe os resultados que estão a alcançar, com correspondência direta aos quatro pilares do programa:

 

  • INEGI – Ecoeficiência: sistemas de gestão ambiental e de energia.
  • LINK – IoT e sensores: aplicações e demonstrações em ambiente de uso real.
  • Universidade de Cambridge – Simbiose Industrial: estudos de caso, impacto nos negócios e conjuntos de ferramentas a utilizar.
  • Lean Institute, em parceria com a MCG – aplicação do sistema LEAN Management e apresentação das respetivas ferramentas LEAN desenvolvidas.

 

Além da interessante apresentação de Steve Evans, da Universidade de Cambridge (sobre os desafios da indústria europeia num mundo em evolução), o destaque centrou-se na apresentação de como o sistema LEAN Management está a ser aplicado na MCG.

 

Relembramos que, em termos práticos, e através de várias iniciativas com os outros parceiros do consórcio, o Projeto MAESTRI tem permitido à MCG implementar diversos sistemas de monitorização da produção. Eis alguns avanços registados:

 

  • Tem sido possível rever o conceito de indicadores de performance de algumas equipas de produção, aplicando boas práticas de gestão nos quadros de equipa e treinando líderes de equipa para a condução de reuniões operacionais diárias, que se traduzem neste momento em ganhos interessantes de produtividade.
  • O seguimento da rejeição interna e as metodologias de resolução de problemas demonstram agora um maior controlo ao nível de vários indicadores.
  • A ligação às máquinas de corte laser e punçonagem, quinadeiras e máquinas de soldar permitem neste momento a recolha dados de produção, consumo energético e outros, o que torna possível mostrar aos operadores na fábrica os seus indicadores de performance em termos de produtividade, qualidade e disponibilidade.
  • Esta mesma ligação também alimenta uma plataforma MAESTRI que está a ser desenvolvida no seio deste projeto e que permitirá no futuro fazer análises de evolução que confirmem as melhorias implementadas.

 

O projeto MAESTRI terá revisão final com a Comissão Europeia, em paralelo com o respetivo encerramento oficial, a 8 e 9 de outubro, nas instalações do ISQ, local onde também decorreu esta conferência final.

 

Recorde os avanços do projeto MAESTRI na MCG enquanto um dos quatro ambientes industriais reais:

» Projeto MAESTRI na MCG: flexibilidade, otimização de recursos e redução de desperdícios
» O Projeto Maestri e o Lean Manufacturing na MCG: menos desperdício e mais produtividade

 

Acompanhe a atividade da MCG no LinkedIn ou siga esta secção de notícias MCG para ficar a saber mais sobre todos os projetos de I&D desenvolvidos pela empresa.

 

Partilhar