Notícias/Artigo

3 Maio 2019

Projeto MAESTRI na MCG: flexibilidade, otimização de recursos e redução de desperdícios

A MCG continua a dinamizar a implementação da cultura Lean e da Total Efficiency Framework ao ser um dos quatro ambientes industriais reais do Projeto MAESTRI, uma iniciativa europeia que está a desenvolver um sistema de gestão flexível e escalável que promove as boas práticas de gestão industrial e indústria 4.0.

 

A MCG esteve recentemente presente na 7ª Reunião do projeto (que teve lugar em abril em Wroclaw, na Polónia) através de Gonçalo Almeida, Diretor Industrial da metal3, unidade MCG onde é desenvolvida a produção dos segmentos de negócio MCG industry e MCG transportation. O principal objetivo passou por apresentar os avanços da empresa nas atividades relacionadas com a simbiose industrial, a ecoeficiência, o Eco-Lean management, a monitorização de dados de produção e a implementação de uma plataforma IoT.

 

Em termos práticos, e através de várias iniciativas com os outros parceiros do consórcio, o Projeto MAESTRI tem permitido à MCG implementar diversos sistemas de monitorização no shop floor. Eis alguns avanços registados:

 

  • Tem sido possível rever o conceito de indicadores de performance de algumas equipas de produção, aplicando boas práticas de gestão nos quadros de equipa e treinando líderes de equipa para a condução de reuniões operacionais diárias, que se traduzem neste momento em ganhos interessantes de produtividade.
  • O seguimento da rejeição interna e as metodologias de resolução de problemas demonstram agora um maior controlo ao nível de vários indicadores.
  • A ligação às máquinas de corte laser e punçonagem, quinadeiras e máquinas de soldar permitem neste momento a recolha dados de produção, consumo energético e outros, o que torna possível mostrar aos operadores na fábrica os seus indicadores de performance em termos de produtividade, qualidade e disponibilidade.
  • Esta mesma ligação também alimenta uma plataforma MAESTRI que está a ser desenvolvida no seio deste projeto e que permitirá no futuro fazer análises de evolução que confirmem as melhorias implementadas.

 

O projeto MAESTRI está na sua fase final e tem conclusão prevista para o próximo mês de junho, altura em que serão publicados os resultados alcançados.

Partilhar