NewGenShell

New Generation of High Performance Shells for Climatic Chambers

NewGenShell

O PROJETO

Investigar, conceber, desenvolver, prototipar e validar um novo conceito de caixas climáticas (com invólucros isotérmicos) com módulos de climatização integrados: as NewGenShell – New Generation of High Performance Shells for Climatic Chambers.

Responder a desafios colocados pelas indústrias automóvel, aeronáutica, eletrónica, biotecnológicas e frigorífica/criogénica na procura de câmaras de teste de grande dimensão com estas características.

Case Study


Financiamento

Designação do projeto:
NewGenShell: New Generation High Performance Shells for Climatic Chambers
Código do projeto:
LISBOA-01-0247-FEDER-033413
Objetivo principal:
O projeto visa a conceção, o desenvolvimento, a prototipagem e validação de um novo conceito de caixas climáticas (com invólucros isotérmicos) com módulos de climatização integrados, as NewGenShell.
Região de intervenção:
Lisboa
Entidade beneficiária:
Manuel da Conceição Graça, Lda
Data de início:
2018-09-03
Data de conclusão: 2020-08-31
Custo total elegível:
834.718,54 EUR
Apoio financeiro da União Europeia através do FEDER: 429.794,55 EUR

Projeto NewGenShell

Principais mais-valias

Potencial de mercado elevado

Caixas climáticas flexíveis em termos de dimensão e com um comportamento otimizado em termos termodinâmicos.

Simulação de condições extremas

Capazes de gerar condições extremas de temperatura (-75ºC a 180ºC), humidade relativa (10% a 98%) e ventilação variável.

Invólucros resistentes e estanques

Ccapazes de garantir a estanqueidade, a resistência a grandes cargas e a durabilidade face a ciclos de funcionamento agressivos.

Sistemas modulares

Kits pré-fabricados com dimensões transportáveis e que dependem apenas da soldadura de juntas lineares realizadas de forma robotizada.

CLIMO (CLImatic MOdule)

Um único sistema de climatização integrado com base no conceito modular (refrigeração, ventilação, humidificação e alimentação elétrica).

Consumo de energia reduzido

Unidades otimizadas tecnologicamente para consumos elétricos reduzidos, menor impacte ambiental e um processo de controlo eficiente.

Empresas participantes no projeto

O Consórcio NewGenShell

MCG mind for metal

Empresa portuguesa focada na produção de peças e componentes para mercados exigentes como são os casos dos mercados automóvel e ferroviário.

Aralab

Empresa portuguesa especializada no fabrico de equipamentos climáticos e de laboratório destinados aos mercados da biotecnologia, farmacêutica e indústria.

ITeCons

Entidade NE do SI&I vocacionada para a conceção, desenvolvimento e validação de novos produtos e sistemas tecnológicos.

NewGenShell

Informações adicionais

A metodologia de implementação proposta pelo consórcio e pelas respetivas empresas qe o compõem compreende um vasto conjunto de estudos de investigação técnica e industrial, agrupados nos seguintes grandes grupos:
» Estudos preliminares.
» Conceção e projeto do painel e dos componentes do sistema na sua globalidade (estudos teóricos, experimentais e de simulação numérica).
» Prototipagem e validação.
» Divulgação de resultados.

No final do projeto, espera-se que a MCG mind for metal possa disponibilizar ao setor industrial, nacional e internacional, invólucros para a construção de câmaras climáticas de grande dimensão com características diferenciadas. Por seu turno, a Aralab conseguirá disponibilizar aos seus mercados novos sistemas de climatização integrados – os CLIMO –, que, quando associados àqueles invólucros, permitam criar uma linha de câmaras climáticas de grandes dimensões..

NewGenShell

Cronologia do projeto

Fase A1
Estudos preliminares

Setembro 2018 a Maio 2019
Empresa líder: ARALAB:
Coordenação ARALAB:
Vigilância Tecnológica.
Definição de requisitos normativos, exigências funcionais e de segurança.

Fase A2
Conceção e Desenvolvimento dos Painéis e do Invólucro

Dezembro 2018 a Setembro 2019
Empresa líder: ITECONS
Coordenação MCG:
Conceção dos painéis (paredes, pavimento e teto) e respetivos elementos de ligação.
Conceção do invólucro modular.

Coordenação ARALAB:
Desenvolvimento do kit tecnológico.
Definição e análise das condições de fabrico/montagem/transporte dos novos painéis, invólucros e CLIMOs.

Coordenação ITECONS:
Simulação do comportamento termodinâmico (análise numérica CFD).
Modelação do produto (CAD) e análise estrutural (CAE).

Fase A3
Abordagem Produtiva e Prototipagem

Junho 2019 a Dezembro 2019
Empresa líder: MCG
Coordenação MCG:
Conceção e prototipagem dos sistemas robotizados de colagem.
Conceção e prototipagem dos sistemas robotizados de soldadura.
Prototipagem de painéis e invólucros.

Coordenação ARALAB:
Prototipagem dos CLIMOs.

Fase A4
Ensaios de Verificação e Validação

Outubro 2019 a Julho 2020
Empresa líder: ITECONS
Coordenação ITECONS:
Definição de ensaios de validação.
Ensaios de verificação e validação dos vários componentes e do invólucro.
Ensaios de verificação e validação das câmaras climáticas.

Coordenação ARALAB:
Parametrização para customização de soluções.
Ensaios experimentais autónomos de validação produtiva.

Fase A5
Promoção e Divulgação de Resultados

Setembro 2018 a Agosto 2020
Empresa líder: MCG
Coordenação MCG:
Criação de website, conteúdos técnico-científicos e material de divulgação.
Coordenação ARALAB:
Participação em feiras tecnológicas e disseminação junto da indústria.

Coordenação ITECONS:
Organização e participação em eventos.

Fase A6
Gestão de Projeto

Setembro 2018 a Agosto 2020
Empresa líder: MCG
Coordenação MCG:
Gestão técnica do projeto.